Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Diario de Bordo

Pequenos grandes nadas que me vao acontecendo...

Diario de Bordo

Pequenos grandes nadas que me vao acontecendo...

30 Mar, 2021

Memória...

https://youtu.be/b29lz1jvC-Q

Já não durmo e o tempo aos poucos começa a roubar-me a vida

Tanta porta para entrar e eu quero encontrar a saída

Sinto que eu própria já não me reconheço

E quando escrevo a história, às vezes não me lembro

Quem era, como era

Somos só memória à espera de não ser esquecida

Chorei no meu ombro ao espelho só p'ra me confortar

No reflexo vejo o medo por pensar em falhar

Quem era, como era

Somos só memória à espera de não ser esquecida

Quem era, como era

Somos só memória à espera de não ser esquecida

Eu sou só um corpo que curou todas as suas feridas

Mas dentro da minha cabeça tenho a alma destruída

Porque eu sinto que eu própria já não me reconheço

E quando escrevo a história, às vezes não me lembro

Quem era, como era

Somos só memória à espera de não ser esquecida

Chorei no meu ombro ao espelho só p'ra me confortar

No reflexo vejo o medo por pensar em falhar

Quem era, como era

Somos só memória à espera de não ser esquecida

Quem era, como era

Somos só memória à espera de não ser esquecida...

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.