Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Diario de Bordo

Pequenos grandes nadas que me vao acontecendo...

Diario de Bordo

Pequenos grandes nadas que me vao acontecendo...

13 Mai, 2021

Amigos!

Os verdadeiros...

Há quem diga que não há amizades para sempre, que algum dia vão desiludir-nos. Eu digo que há: desde sempre e para sempre. Há amizades que atravessam vidas, existências e séculos. Há amizades eternas, pactuadas entre seres. Há amizades que só alguns as entendem, porque são pactos de almas através de séculos. Há amigos que simplesmente se aceitam, sem julgamentos, sem barreiras, sem questões. Há pessoas que nos conhecem por dentro e por fora, até ao âmago. Há (...)
 De algum jeito a vida, todos os dias, nos manda um sinal ou alguém que cruze nosso caminho para nos dar força para persistir, para nos dar coragem ou inspiração.Ou simplesmente para nos fazer rir ou descontrair!Um simples café, uma palavra, uma música, um anúncio...A vida manda sinais e sopra para quem observa com o coração. (Carolina Salcides)   
Sigo a vida conforme o roteiro, sou quase normal por fora, pra ninguém desconfiar.  Mas por dentro eu deliro e questiono. Não quero uma vida pequena, um amor pequeno, um alegria que caiba dentro da bolsa. Eu quero mais que isso. Quero o que não vejo. Quero o que não entendo. Quero muito e quero sem fim. Não cresci pra viver mais ou menos, nasci com dois pares de asas, vou aonde eu me levar."  (Fernanda Mello)   
05 Mai, 2021

Risca....

Hoje, quando estiveres a contornar os olhos com o lápis, para que esse traço sublinhe o teu bonito olhar, não te esqueças de fazer também um risco em tudo aquilo que cansa a tua beleza. Risca os narizes empinados e aqueles que metem o nariz em tudo. Risca os discos riscados e os vira o disco e toca o mesmo. Risca aqueles que roem na pele e roem a corda. Risca os que te querem riscar do mapa. Risca quem te faz a cabeça em água e quem chora lágrimas de crocodilo. Risca quem te (...)
Sei que me guardaste no coração; lá, soltei-te o desassossego, a paixão, o ébrio despudor do encantamento. Com a vida a transbordar nas tuas mãos tiveste medo e encarceraste o coração, foste-te apagando por dentro, onde agora apenas vagueiam murmúrios de cores desbotadas, pálidas e frias." (Maria Joao Saraiva)    
19 Abr, 2021

Auto-retrato!

Autoretrato de uma Mulher que quer ser amada e dar Amor, respirar liberdade, ter assas para voar mais alto, mas por vezes o vento levanta-nos do chão, outras vezes é encontrão, não mexe, por vezes recua. Mas a autoestima lava-te e quer que uma brisa, pequena que seja, te dê a alma de espírito que desejas alcançar, mesmo sozinha. Eu respeito-te muito. Que todos os dias os anjos estejam contigo, que te elevem a tua beleza real que és. Pois também és Anjo...